"Se eu te pudesse dizer
o que nunca te direi,
tu terias que entender
aquilo que nem eu sei."
Fernando Pessoa

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Olhos castanhos

Olhos de quem quer ver o mundo. Abertos que nada vêem. Cegos num universo só teu, pequeno e fechado. Estão lá todos os teus sonhos. Estão lá todos os teus desejos. E ninguém vê?!? Não deixas... 

Porque tens medo. Medo, sempre medo, e se alguém vê? E se alguém vislumbra quem eu sou...Não tenhas medo. Olham-te. Mas esquecem os teus olhos. Logo eles que tanto dizem. 

Ninguém os teus olhos vê. Pior... ninguém chega à tua alma pelos teus olhos. Nem quem teus olhos lê? Não deixas. Alma fechada à dor de quase mil anos.

Se ao menos o mundo soubesse o que esses olhos castanhos contam...

Sem comentários:

Enviar um comentário